DevSecOps

17 jul, 2018

Hospedagem de nuvem do servidor Tomcat com Jelastic PaaS

100 visualizações
Publicidade

Dado o fato de que a hospedagem Java ocupa uma das principais posições na criação de aplicativos da web, é compreensível a popularidade do Apache Tomcat entre os desenvolvedores. Devido às estatísticas coletadas recentemente, 28,9% dos usuários do Jelastic PaaS também preferem o servidor Tomcat para implantar seus projetos.

Considerando a demanda, decidimos entrar em mais detalhes sobre como instalar a versão mais recente do Tomcat, configurar esse servidor da Web Java e seu balanceamento de carga, implementar o aplicativo e melhorar a segurança do Tomcat no Jalastic PaaS.

Criar um Servidor Tomcat

O Platform-as-a-Service fornece etapas fáceis para a instalação do Tomcat.

  • Registre-se e efetue login no painel PaaS no provedor de serviços de hospedagem escolhido.
  • Clique no botão “Novo Ambiente“.
  • Selecione a versão desejável do Tomcat para seu servidor de aplicativos, conforme mostrado na figura abaixo. A plataforma de nuvem permite que você use as versões do Apache Tomcat a partir do 6 até o Tomcat 9 mais recente, dependendo dos requisitos do seu aplicativo. Tudo o que você precisa é escolher entre as versões disponíveis na lista suspensa:

Uma vez que o ambiente estiver criado, você estará pronto para usar o servidor de aplicativos Tomcat instalado lá. Para verificar se o Tomcat está em execução, clique no botão  “Abrir no navegador” ao lado do servidor da web no ambiente.

O servidor está instalado corretamente, portanto, a página de boas-vindas do servidor da web do Tomcat é exibida no seu navegador.

O servidor de aplicativos está operando em um contêiner (node) separado, que é uma instância virtualizada isolada, provisionada para uma pilha de software. O contêiner tem seu próprio IP privado e registro DNS exclusivo.

Alterar a versão do Tomcat

Se você precisar alterar a versão do seu servidor instalado, poderá fazer isso a qualquer momento sem perder dados ou configurações.

Basta clicar no botão “Reimplementar contêineres“, ao lado do node do servidor Apache Tomcat.

Selecione uma nova versão do Tomcat (por exemplo, Tomcat 8) na caixa de diálogo exibida e confirme a alteração.

Agrupamento e dimensionamento do Tomcat

Nossa PaaS pode escalar automaticamente o aplicativo, tanto vertical quanto horizontalmente, bem como configurar o cluster do Tomcat, tornando a hospedagem realmente flexível.

Dimensionamento Vertical Automático

O dimensionamento vertical automático é possibilitado pela capacidade do Jelastic de alterar dinamicamente a quantidade de recursos alocados (RAM e CPU) para um servidor de acordo com suas demandas atuais, sem necessidade de intervenção manual.

Esse recurso garante que você nunca pague em excesso por recursos não utilizados e economiza seu tempo, pois elimina a necessidade de manipular os ajustes relacionados à carga ou às mudanças na arquitetura.

Para configurar o consumo automático de recursos pelo servidor Tomcat, abra o assistente de topologia do ambiente e especifique o limite de escala superior dos cloudlets (cada um igual a 128 MiB e 400 MHz) com o controle deslizante localizado na parte superior:

Seu aplicativo funcionará dentro desses limites, reduzindo o consumo de recursos quando a carga estiver baixa ou aumentando-os quando a carga estiver ativa. Assim, você paga apenas pelos recursos que são realmente consumidos. Para mais informações, consulte a documentação sobre dimensionamento vertical automático.

Dimensionamento Horizontal Manual

Para adicionar servidores Tomcat extras manualmente, basta clicar em “Alterar topologia do ambiente“:

Em seguida, pressione o botão “+” no assistente e adicione o número necessário de instâncias.

O número máximo de servidores do mesmo tipo em uma única camada de ambiente depende de determinadas configurações do provedor de hospedagem (geralmente esse limite representa 16 nodes e pode ser ajustado enviando uma solicitação para suporte). Você pode verificar o valor exato dentro do quadro de informações: Cotas e preços > Limites de conta.

Como você pode ver, quando você adiciona servidores extras, o balanceamento de carga do Apache Tomcat é ativado automaticamente. O Load Balancer representa o front-end que recebe todas as solicitações recebidas e distribui uniformemente entre os back-ends – servidores de aplicativos.

Por favor, saiba mais detalhes sobre o dimensionamento horizontal manual na documentação.

Dimensionamento Horizontal Automático

O dimensionamento horizontal automático pode ser implementado por meio de acionadores ajustáveis que monitoram as alterações na carga do aplicativo e aumentam ou diminuem o número de nodes devido a eles.

Para configurar um acionador para o dimensionamento horizontal automático, use o botão “Configurações” para o ambiente desejado.

Navegue até a seção Monitoração > Dimensionamento horizontal automático.

Ao pressionar o botão “Adicionar“, você pode configurar os acionadores para pilhas e recursos específicos (CPU, RAM, Rede, Disco) em seu ambiente separadamente. Basta especificar as condições de dimensionamento e aplicar as alterações.

Por favor, saiba mais sobre o dimensionamento horizontal automático no documento correspondente.

Agrupamento Automático do Tomcat

O recurso de agrupamento do servidor de aplicativos incorporado fornece replicação de sessões entre pares de nodes e elimina a necessidade de software adicional ou uso do Memcached para aumentar a disponibilidade do aplicativo.

Você pode obter replicação multicast entre pares de servidores Tomcat sem qualquer configuração manual. Se uma das instâncias falhar, os usuários que estavam nessa instância serão movidos automaticamente para a outra instância no cluster.

 

Para ativar o agrupamento do Tomcat, você só precisa ativar o botão “Alta disponibilidade” dentro do assistente de ambiente, como mostra a figura abaixo:

Implantar Aplicativo no Ambiente do Tomcat

Há várias opções sobre como implementar o aplicativo Java no ambiente do Tomcat, mas a maneira mais comum é por meio do Gerente de Implantação.

1 – Abra o “Gerente de Implantação” na barra de tarefas do painel do Jelastic e clique no botão “Upload“.

2 – Navegue até o seu arquivo local (ou use a URL para o seu projeto) e faça o upload dele. O Gerente de Implantação suporta os formatos .WAR, .ZIP ou .EAR.

3 – Selecione seu pacote na lista e clique no botão “Implementar para“:

4 – Escolha o ambiente apropriado, especifique o contexto (ou deixe o valor ROOT padrão) e comece a implementar o aplicativo.

Nota: Nesta etapa, você também pode adicionar ganchos de implementação para executar seus scripts customizados antes ou depois da implementação do aplicativo.

5 – Quando o processo estiver concluído, você poderá ver seu projeto nas implantações do ambiente.

Há mais opções para implantar seu aplicativo no Tomcat, por exemplo, via Git/ SVN usando o node de construção do Maven. Para mais informações, consulte o Guia de Implementação.

Configurações do Tomcat

Neste capítulo, abordaremos algumas configurações e recursos que ajudarão a otimizar seu trabalho com o servidor da web do Tomcat.

Variáveis Ambientais

Para tornar seu aplicativo mais portátil e flexível, você pode usar variáveis de ambiente em vez de especificar os valores necessários no código do aplicativo a cada vez. O Jelastic PaaS fornece um número de variáveis de ambiente padrão do Tomcat para os diretórios comumente usados. Você pode encontrá-las na tabela abaixo:

Juntamente com os padrões, você pode adicionar variáveis de ambiente personalizadas do Tomcat que são armazenadas no arquivo /opt/tomcat/conf/variables.conf.

Arquivos de Configuração

Os arquivos de configuração do Tomcat estão disponíveis para edição diretamente no painel. Para acessá-los, pressione o botão “Config” ao lado do servidor Tomcat.

Em seguida, use o gerenciador de arquivos disponível para navegação.

Na tabela abaixo você pode encontrar os nomes e os caminhos para os principais arquivos de configuração do Apache Tomcat.

Por favor, saiba mais sobre as configurações do servidor Tomcat no documento vinculado.

Configurações de Segurança do Tomcat

Para restringir o acesso ao seu projeto implantado no servidor Tomcat, recomendamos duas soluções possíveis: configurar a autenticação do usuário e negar acesso ao seu aplicativo da web para determinados endereços de IP do cliente. A instrução detalhada é descrita no artigo sobre como Proteger a Hospedagem do Tomcat.

Mais uma maneira de garantir a segurança dos seus aplicativos é usando o recurso Container Firewall. Ele permite controlar a disponibilidade de seus nodes tanto de dentro, quanto de fora da plataforma. Configure o firewall do contêiner do Tomcat usando as informações do artigo Container Firewall Management.

Vários domínios no Servidor Tomcat Único

Você pode configurar vários nomes de domínio no servidor Tomcat para aumentar a usabilidade, eficiência e dimensionabilidade de seu aplicativo, além de economizar custos sem ter que configurar instâncias separadas. Para isso, faça alguns pequenos ajustes nos arquivos de configuração do Tomcat, conforme descrito na instrução sobre domínios múltiplos.

Como você pode ver, o Jelastic PaaS torna a hospedagem do Tomcat fácil e flexível. A plataforma de nuvem fornece uma ampla variedade de configurações já predefinidas para você não se incomodar com tarefas de rotina e, ao mesmo tempo, deixa o servidor totalmente personalizável para configurações complexas específicas. Comece com a facilidade de hospedagem em nuvem Tomcat da Jelastic PaaS e aproveite os benefícios em um pacote pronto para uso.

***

Tetiana Fydorenchyk faz parte do time de colunistas internacionais do iMasters. A tradução do artigo é feita pela Redação iMasters, com autorização do autor, e você pode acompanhar o artigo em inglês no link: https://jelastic.com/blog/tomcat-server-cloud-hosting/