Marketing Digital

3 set, 2013

4 motivos para não usar Curta x Compartilhe em suas promoções no Facebook

100 visualizações
Publicidade

Olá, como vai?

O Facebook lançou uma novidade que fez muitos profissionais reverem seus conceitos. Mesmo que rever seus conceitos, neste caso, não seja algo necessariamente legal. Bem, o fato é que as diretrizes do FACEBOOK para promoções mudaram.

A “novidade” foi divulgada na página de notícias do Facebook para Empresas, com o título “Agora ficou mais fácil administrar promoções no Facebook”. Será mesmo?

O que isso significa?

Muitas pessoas que trabalham com Facebook Marketing não sabiam ou não sabem que determinados tipos de formatos de promoções não eram permitidos pela rede social. Em linhas gerais, até então, todas as promoções no Facebook deveriam seguir (pelo menos) essas três regras:

  • Ser realizadas dentro de aplicativos (Sorteie.me, Yes Ganhei, por exemplo);
  • Não podia usar uma foto publicada no mural da página para realizar a promoção (Curta e Compartilhe essa foto para participar da promoção);
  • Não usar o “Curtir” do Facebook como mecanismo de votação (o comentário mais curtido ganha, por exemplo).

Bem, o fato é que agora é que muita coisa foi liberada! Você tem a liberdade de usar o mural da sua página para a promoção. Pode usar um aplicativo para tal também. Pode pedir para as pessoas curtirem, comentarem, votarem nos comentários,  mandarem mensagens e todo tipo de possível utilização que o Facebook possa oferecer para sua mente insana e criativa.

PORÉM, há duas restrições importantes:

  1. Não é permitido pedir para as pessoas “Compartilharem imagens ou sua promoção em seus perfis pessoais”. É o que diz o ponto 3 dos Termos para Promoções. “Timelines pessoais não devem ser usadas para administrar promoções (ex: “Compartilhe no seu perfil para entrar” ou “Compartilhe no perfil do seu amigo para obter entradas adicionais” não é permitido).”
  2. Também há restrição a não ser permitido às páginas incentivar as pessoas a se marcarem em fotos. Por exemplo, curta, comente, mande uma mensagem PODE. Curta,  comente, mande uma mensagem e marque seu perfil na foto, NÃO PODE. Agora ficou fácil.

Oh wait! Tem mais algumas coisas

Lembra-se de que há algumas semanas grande parte dos profissionais surtou com a portaria 422 e as regras de promoções de Sorteios Comerciais? Então, é muito importante que você compreenda que:

  1. Temos uma legislação que regulamenta sorteios e concursos culturais. Esta legislação vigora no BRASIL, as diretrizes do FACEBOOK, valem NO FACEBOOK e estão subordinadas à legislação;
  2. Essa legislação está ACIMA das diretrizes do Facebook;
  3. Ao fazer uma ação em sua página, em PRIMEIRO LUGAR atenda aos requisitos da LEGISLAÇÃO para tal. Se for um concurso cultural, atenda a regulamentação para tal (famosa portaria 422). Se for uma promoção comercial, atenda as normas e diretrizes do Ministério da Fazenda ou da Caixa Econômica Federal. (No meu curso Facebook para Empresas temos uma aula que trata sobre as promoções e concursos).

Por haver essa questão de legislação, o Facebook incluiu algumas coisas no seu Termo de Uso de Páginas, algo que eu tenho certeza que você nunca leu. Se você já leu, comente abaixo.

Vamos lá:

  1. Se você usa o Facebook para comunicar ou administrar uma promoção, você é responsável pela lei vigente daquela promoção, incluindo: 

a.      As regras (legislação) oficial;

b.      Oferecer termos e requerimentos de elegibilidade (ex. restrições de idade ou localização); e

c.       Conformidade com as regras e regulamentos aplicáveis ​​que regem a promoção e todos os prêmios oferecidos (ex: registro e obtenção de aprovações regulamentares necessárias)

 

2.       As promoções no Facebook devem incluir o seguinte:

a.    Um release completo sobre o Facebook para cada participante;

b.    O reconhecimento de que a promoção não é de forma patrocinado, endossado ou administrado por, ou associada, Facebook.

 

3.       As promoções podem ser administrados em páginas ou dentro de aplicativos no Facebook. Timelines pessoais não devem ser usadas para administrar promoções (ex: “Compartilhe no seu perfil para entrar” ou “Compartilhe no perfil do seu amigo para obter entradas adicionais” não é permitido).

 

4.   Nós não iremos ajudá-lo na administração de sua promoção, e você concorda que, se você utilizar o nosso serviço para administrar a sua promoção, você o faz por sua conta e risco.

Resumindo, você precisa atender, em primeiro lugar, a legislação para realizar sua promoção. Feito isso, você precisa atender as diretrizes do Facebook. Ok?

4 razões para não usar promoções de Curta x Compartilhe em suas ações de Facebook Marketing

Mesmo sabendo que temos a legislação, também sei que seria utópico esperar que todos pedissem autorização na Caixa para sortear um livro de R$9,90 ou um jantar com acompanhante.

Por isso, gostaria que PELO MENOS você não caísse na tentação de fazer promoções de Curta x Qualquer coisa. Sim, elas são ótimas para gerar engajamento, trazer novos fãs e fazer seus gráficos subirem muito. Porém, SEMPRE recomendo usar as promoções como mecanismo de captura de fãs de QUALIDADE e pensar nas promoções como forma de gerar ativos para sua empresa, ou seja, uma base de dados de potenciais clientes, por exemplo.

Por isso, quero trazer os pontos negativos de se fazer uma promoção neste molde em seu negócio.

1. Qualquer um curte e comenta qualquer coisa para ganhar

Fala sério! Se você vê aquela promoção de sushi que seu amigo compartilhou e “tudo o que você precisa fazer” é comentar a foto, claro que você vai. Mesmo que nem saiba direito de quem é a promoção. É muito fácil fazer isso.

Por isso, muitas empresas atraem usuários que não trazem interações de valor. A consequência disso? Pessoas que não vão interagir com você, não vão comprar de você, só vão sugar seus brindes.

Olhe o exemplo abaixo. A empresa postou uma promoção, choveram participantes. Depois, ela PEDIU para as pessoas votarem nela na Veja Comer e Beber, uma publicação importante para o setor que ela atua e veja a resposta do “fã”. Também costumo chamar esse tipo de fã de “fã-ntasma” .

promocao-face

#ficadica

Quando você usa um aplicativo para realizar a promoção, você faz a pessoa “caminhar mais” para participar. Ela terá que clicar no link do aplicativo, entrar nele, dar uma olhada e se inscrever. Isso cria um funil, onde só quem está a fim de ganhar vai participar e se cadastrar. É uma forma de filtrar as pessoas que participarão da promoção.

2. Você não tem uma forma TRANSPARENTE de realizar o sorteio

Quando você usa uma foto em um mural para fazer uma promoção, você não tem uma forma automática de saber quem está participando, quem comentou, quem curtiu. Tem que ser no olho e na mão.

Eu sei que você é honesto e pegará todos os nomes dos participantes, mas será que todos são assim? Por não haver um processo automático e transparente de sorteio, você pode ter problemas como o dessa festa. A promoção era entrar no camarim do Luan Santana. Era preciso compartilhar a foto e tal.

festa-fb

O resultado? Falta de transparência no sorteio e MUITA GENTE #chatiada com o resultado. O pior! Com razão!

Veja aqui o resultado da “ação

#ficadica

Quando você usa um aplicativo, pode coletar o e-mail e nome da pessoa, por exemplo. Com isso, pode usar essa lista para fazer o sorteio de forma mais transparente. Você pode, por exemplo, imprimir o nome dos participante e jogar para cima, filmar e divulgar na sua página. Pirando um pouco, você pode fazer do sorteio algo realmente interessante e que engaje as pessoas.

xuxa-cartas

3. Você será um entregador de brindes

Quando se realiza uma ação de curta x compartilhe é bacana. Sua página bomba, seu chefe ou cliente fica loucão ao ver o número de fãs subindo e todo mundo “Curtindo sua página adoidado”. Mas, e depois que a promoção acabar? Você vai conseguir os fãs da sua página, pode ser que alguns realmente sejam seus fãs, mas a maioria queria apenas ganhar o prêmio. Aí, a festa acabou, a caravana passou e você vê seus gráficos de engajamento despencarem.

Para te animar, SQN, compartilho depoimento da Brícia, ex-aluna do Curso Facebook para Empresas

Tenho uma empresa de Fotografia e uma das coisas que mais fiz foi pedir para as pessoas curtirem minha pagina, pessoas que nem se quer se interessavam pelo meu trabalho. No final sabe o que me aconteceu? Fãs vazios e o publico que não pode pagar o meu trabalho. Infelizmente foi formando uma rede de um publico que eu não queria e hoje estou pensando em desfazer da minha pagina e fazer uma outra” .Brícia, ex-aluna do Curso Facebook para Empresas

#ficadica

Ao usar um aplicativo, por exemplo, você pode coletar o email das pessoas, criar uma base de dados e usar em ações em vários canais. Dentre minhas listas de email marketing, as que me dão mais retorno, ACREDITE, são as que construí com promoções, como a de 2 anos do Curso Facebook para Empresas.

 4. Não PODE usar Curta x Compartilhe, só Curta x Comente, Curta x Mande uma mensagem

Um motivo óbvio para não usar Curta x Compartilhe é que, pelos termos de uso de páginas, não pode pedir para a pessoa compartilhar a foto, vídeo wtv da promoção.

#ficadica

Então, se ainda quiser fazer esse tipo de promoção, boa sorte e não peça para o participante compartilhar.

#ficadica[2]

Essas são algumas razões pelas quais você, em minha opinião, não deve cair na tentação desse tipo de promoção. Se você quiser saber mais sobre estratégias de promoções, sugiro conferir o post “Palestra: Promoções no Facebook: o que pode e o que não pode?”. Nela você encontra um webinar que fiz e uma apresentação de slides.