Back-End

17 out, 2014

Falando sobre Swift – Playgrounds

100 visualizações
Publicidade

Nesta nova série, vamos estudar a nova linguagem de programação da Apple, a Swift. Não é necessária nenhuma experiência anterior em tecnologias Apple, mas é preciso ter o mais recente Mac OSX e Xcode 6.0.1 ou superior instalados para conseguir acompanhar.

O que são Playgrounds?

Como falamos no artigo anterior, o Xcode vem com um novo ambiente interativo chamado de Playground. Ele permite que os desenvolvedores testem conteúdo de forma interativa, assim como vejam tanto o resultado final como cálculos intermediários, levando a possibilidades impressionantes.

Playgrounds são criados com o Xcode em “File → New → Playground”. Isso cria uma pasta chamada name.playground no seu HD e dentro dela um arquivo Swift simples chamado section-1.swift, que inicia com uma simples atribuição Hello, playground.

playground

No lado esquerdo da tela você tem o código, e no lado direito pode ver a saída de cada linha de código que está sendo executada. Os exemplos do artigo anterior podem ser adicionados ao playground para vermos os resultados.

Além dos resultados individuais, há um console que pode mostrar a saída do console (como gerado pelo prinIn) ou as linhas intermediárias:

playground-loop

Na verdade, um bom truque de debug com Playgrounds é colocar um valor intermediário em uma nova linha, mesmo se ele não for usado, e depois criar o gráfico disso, que é possível ver com o botão “add value”:

playground-loop-intermediate

Playgrounds podem ser usados com plataformas iOS ou OSX (mas OSX foi temporariamente removido do Xcode 6.0, deve voltar no Xcode 6.1).

***

Artigo traduzido pela Redação iMasters com autorização do autor. Publicado originalmente em http://alblue.bandlem.com/2014/09/swift-introduction-to-playground.html