Número de phishing em sites HTTPS triplica

PorRedação iMasters em

Quando, em janeiro de 2017, a Mozilla e o Google fizeram o Firefox e o Chrome marcarem páginas HTTP como inseguras, a intenção era facilitar o reconhecimento das páginas de phishing, bem como aumentar a adoção do HTTPS.

Embora este último objetivo tenha sido alcançado, o número de sites de phishing com HTTPS aumentou. “Embora a maioria dos sites de phishing ainda use o protocolo HTTP não criptografado, um aumento de três vezes de phishing em sites HTTPS em apenas alguns meses é bastante significativo”, observou Paul Mutton, da Netcraft.

Uma explicação para isso pode ser que os fraudadores começaram a configurar mais sites de phishing que usam conexões HTTPS seguras, apontou o site Help Net Security.

Outra razão pode ser que eles simplesmente continuaram comprometendo sites para configurar as páginas de phishing, mas como mais sites legítimos começaram a usar HTTPS, mais páginas de phishing acabaram tendo HTTPS. Finalmente, é possível que os fraudadores estejam intencionalmente comprometendo sites HTTPS para que suas páginas de login de phishing pareçam mais confiáveis.

Deixe um comentário! 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

leia mais