Segurança

10 jul, 2018

Campeonato brasileiro de hacking escolherá o melhor hacker de SP

visualizações
Publicidade

O maior campeonato de invasão de sistemas da América Latina, Hackaflag, realizará a etapa classificatória no Developer Hub, no dia 21 de julho. Cerca de 80 hackers vão disputar a vaga de campeão paulista e o campeão poderá representar o Estado na final nacional, que acontece em novembro, também na capital paulista.

A competição será individual e não haverá limite de idade. Os participantes devem levar a sua própria máquina e ferramentas necessárias para competir e, pôr em jogo todo seu conhecimento e as mais diversas habilidades de hacker em provas que exploram as principais áreas da segurança da informação, tudo feito em um ambiente digital simulado.

A competição acontece nos moldes de e-sports, com pontuações a cada “flag” quebrada, nome dado a cada obstáculo vencido pelos hackers, que variam desde encontrar brechas em sistemas, descobrir senhas de acesso, e até encontrar os rastros deixados por outro hacker na tentativa de invasão.

O campeão paulista poderá disputar o título nacional com os representantes de outros nove Estados. Quem se sagrar o melhor hacker do Brasil ganha uma viagem com tudo pago para Las Vegas, nos EUA, e poderá participar da Def Con, a maior conferência hacker do mundo.

A disputa cumpre o propósito de desmistificar a figura controversa do hacker, já que possibilita que o público geral possa ver os processos de invasão em tempo real, enquanto ainda revela talentos para as principais empresas do país.

O evento também é uma ótima oportunidade de divulgação profissional e para profissionais já consolidados investirem em networking. “O Hackaflag por anos tem sido uma importante ferramenta para fomentar a cultura hacker pelo Brasil e descobrir novos talentos para a Segurança da Informação. Neste ano vivemos um momento de consolidação e São Paulo é um polo fundamental para esse setor”, destacou Anderson Ramos, criador do evento.

São esperados mais de 200 participantes entre hackers, estudantes, profissionais e empresas de segurança da informação e T.I.

Serviço