/Desenvolvimento

voltar
/Desenvolvimento
C#

Novidades no C# 7.3

PorRafael Almeida em

Apesar da minha vontade ser compartilhar mais conteúdos relacionados às tecnologias EntityFramework Core e AspNet Core, sendo programador e amante do C#, estarei algumas vezes falando algo sobre o mesmo.

Pois bem, esses dias estava fazendo algo e por curiosidade fui consultar nos fontes do Roslyn como aquilo tinha sido projetado. Foi então que me deparei com algo inusitado, olhando a documentação das novas features, encontrei o “Range”, algo bem semelhante ao que existe em Pascal.

Isso mesmo, está sendo implementado essa nova funcionalidade no C#. O que me chama mais atenção, é que a Microsoft como a mantenedora do projeto, está simplesmente ouvindo, aceitando sugestões e evoluindo nesse mundo open source.

Muitas mentes ao redor do mundo estão voltadas para ver esse projeto crescer, e quem ganha com isso somos nós, que utilizamos essa tecnologia. Sou programador C# há anos e venho acompanhando o crescimento benéfico dele. É muito bom ver isso.

Sem muitas delongas, vamos ao foco!

Em Pascal temos a estrutura Range em um Array representada assim:

type meuArray = array[0..100] of integer;

A partir da nova feature do C# 7.3, passaremos a ter essa nova funcionalidade, que estará disponível no namespace “System.Range”, e teremos algo assim em comparação ao Pascal:

var meuArray = array[0..100];

Os intervalos poderão ser para nós termos uma resolução mais simplificada de uma validação. Por exemplo, usando um switch-case, poderemos fazer validações utilizando o Range muito mais simplificado que antes, da seguinte forma:

switch (r)
{
    case 0..10:
        break;
    case 11..20:
        break;
    case 21..30:
        break;
}

Por padrão, a escala do Range faz implementação da interface IEnumerable, de forma que, ao utilizarmos um Range por escala, é a mesma coisa de fazermos algo assim já disponível em Linq:

IEnumerable<int> numeros = Enumerable.Range(0,10);

Dessa forma poderemos fazer interações com a nova implementação da seguinte forma:

foreach (var r in 0..10)
{
    Console.WriteLine(string.Join(",", (0..r).Select(x => r * x)));
}

Minha intenção nesse artigo foi apenas mostrar essa pequena e útil implementação, que será de muita utilidade em várias situações.

Desde o lançamento do C# 7, temos várias coisas legais, como:

Tuplas:

Funções Locais:

Exceções em Expressão:

Main Async:

Abraços!

De 0 a 10, o quanto você recomendaria este artigo para um amigo?

 

Deixe um comentário! 0

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

leia mais
Este projeto é mantido e patrocinado pelas empresas: