/Marketing Digital

voltar
/Marketing Digital

Sete dicas sobre o layout do seu e-mail marketing

PorFrancisco Lourenço Lopes Jr. em

Não é raro encontrar peças de e-mail marketing muito bem elaboradas do ponto de vista estético. O problema é que a maioria resulta de adaptações de peças de materiais impressos, e isso não funciona!

Neste artigo, são apresentadas sete dicas para se conseguir um retorno melhor, desde que algumas alterações sejam feitas no layout do seu e-mail marketing.

Dica 1 – E-mail marketing com uma grande imagem de impacto é legal?
Pode parecer que sim, mas estudos americanos apontam que 74% dos e- mails são recebidos com imagens bloqueadas. Por esse motivo, o layout do seu e-mail marketing não deve ser deve ser apenas uma grande imagem, pois, muito provavelmente, o que seu cliente vai receber é o famoso “x” vermelho com a frase: “Clique aqui para exibir a imagem”. Poucas pessoas estão dispostas a clicar para exibir uma imagem de algo que não sabem do que se trata. Esse é o primeiro passo para aumentar a produtividade do seu e-mail.

Dica 2 – Vamos usar o que há demais moderno na versão do Html?
Hoje, a tendência é querer ter acesso ao que há de mais moderno quando o assunto é tecnologia. Mas vamos pensar que o seu e-mail será enviado para diferentes pessoas, que usam diferentes plataformas de envio e recebimento de mensagens.

Considerando que os programas de e-mail são muitos (diversas versões de Outlook, Eudora, Thunderbird, Apple Mail etc.) e que os Web Mails como (Gmail, Yahoo, Hotmail, Uol, Bol etc.) também existem em uma quantidade enorme, o seu código html deve ser o mais básico possível, de modo a evitar incompatibilidade com qualquer das plataformas citadas acima, fazendo com que o seu layout não sofra alterações indesejáveis.

Dica 3 – A página ímpar do seu html.
Assim como as outras mídias, o e-mail marketing tem suas peculiariedades. Se em uma revista ou em um jornal a página ímpar (a da direita) é a mais desejada porque tem um número maior de visualizações, no e-mail marketing também temos a área para a qual a maioria das pessoas direciona o olhar.

A maioria dos usuários utiliza a organização das plataformas de e-mail da seguinte maneira: cabeçalho, pastas, mensagens e o painel de leitura. O painel de leitura é a área de 3 cm a 5 cm que o usuário irá ver do e-mail recebido, sem abri-lo. Essa é a sua página ímpar, o horário nobre do seu e-mail marketing. Evite colocar um logo enorme da sua empresa nessa região, uma vez que essa informação já estará presente no remetente da mensagem. Utilize essa área para passar a mensagem mais importante do seu e-mail e também para convencer o usuário a visualizar o resto.

Dica 4 – Como colocar as imagens no corpo do seu e-mail?
Como visto na primeira dica, as imagens geralmente não são mostradas para o usuário. Isso não significa que você não deva colocá-las. O que deve ser feito é construir um layout que seja compreensível e agradável, mesmo sem a exibição delas.

Muitas pessoas usam a imagem colada ao corpo do e-mail, mas isso deve ser evitado, pois diminui a performance da sua entrega, uma vez que aumenta muito o tamanho do e-mail. Além disso, corre-se o risco de o seu e-mail ser enquadrado como spam. A melhor prática é hospedar suas imagens em um servidor na web e inseri-la como código em seu html.

Dica 5 – Onde usar seus links no seu layout?
Muitas pessoas usam os links apenas nas imagens, o que é um erro. Como as imagens nem sempre são exibidas, a melhor maneira é colocar o link no corpo do e-mail, através de botões em html que servem como iscas, ou ainda, simplesmente, colocá-los em formato de texto.

No ramo imobiliário, por exemplo, o botão valores é o campeão de índice de cliques, uma vez que as pessoas estão interessadas em saber quais são os preços dos imóveis à venda.

Dica 6 – Descreva suas imagens
Já que as imagens nem sempre são mostradas, há uma forma de tentar chamar a atenção do usuário colocando uma descrição interessante para estimular as pessoas a exibi-las. Existe um atributo da tag IMG chamado “alt”. O uso desse atributo no código html fará mostrar ao lado do inconveniente “x” vermelho o descritivo dessa imagem, aumentando a probabilidade de abertura.

Dica 7 – Pirotecnia no layout
Alguns profissionais de design insistem em mostrar suas habilidades criando flashs, ou gifs animados que são visualmente atrativos aos olhos de qualquer ser humano. O problema é que, na era html 4 em que vivemos hoje, eles não são exibidos em todas as plataformas. Portanto, o uso de flash, gifs, formulário de contatos, anexos etc não deve ser incorporados ao seu layout. Preocupe-se em fazer um layout agradável, de fácil entendimento e relevante para o assunto de seu e-mail marketing, mas, ao mesmo tempo, utilizando apenas códigos básicos de HTML.

De 0 a 10, o quanto você recomendaria este artigo para um amigo?

 

Deixe um comentário! 17

17 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

  1. Caro Francisco

    Excelente suas dicas Parabéns. Tenho uma dúvida: no caso de divulgação de shows, geralmente é só uma imagem como resolver?

    Abs
    Flavio Raffaelli

    1. Flavio, você pode transformar a imagem em um template. Se não souber como fazer, pode contratar um profissional na área. Se desejar mudar o template, acesse o site: emailtemplates.com.br. Tem diversos templates todos grátis.

      Abraço
      Ademir Diniz

    2. Flavio, você pode transformar a imagem em um template. Se não souber como fazer, pode contratar um profissional na área. Se desejar mudar o template, acesse o site: emailtemplates.com.br. Tem diversos templates todos grátis.

      Abraço
      Ademir Diniz

  2. Vale lembrar que é necessário aplicar style=’display:block’ em TODAS as imagens, afim de que elas não sofram espaçamentos indesejados em webmails mais populares (como Hotmail e Gmail), “quebrando” o layout. E, ainda, que emails desse tipo devem ser desenvolvidos com o conhecimento do “tempo das tabelas”. Ou seja, nada de divs e tags como html e body, aleém das meta-tags. Estilos, só em linha e nada de floats ou positions, etc…

    1. Amigo, desculpa ai minha ignorancia, mas como aplica esse esquema ai que vc falou de style=’display:block’. Tipo, eu até consigo fatiar o layout no fireworks sabe, mas quando envio a campanha que vejo no navegador, ele insere esse espaçamento infeliz, que ja to pra ficar doido, ai pesquisando li essa materia e vi seu comentário. Se puder me dar uma dica, entendo pouco de de html, sei montar as coisas no DW mais no visual mesmo sabe. Bom agradeço a sua informação.

  3. Olá,

    Flávio, no caso de divulagação para shows, onde a peça já vem pronta como imagem, cabe executá-la em html, se houver curvas por exemplo, o html 4 não as reproduz, sendo necessário simplificar a peça, ou seja, reproduzir uma nova.

    Abraço,

    Junior

leia mais
Este projeto é mantido pelas empresas:
Este projeto é apoiado pelas empresas: