/Desenvolvimento

voltar
/Desenvolvimento

Gerencie seus projetos com mobilidade

PorRodrigo Diniz Rosa em

O Microsoft Project durante muito tempo fora a Nave Mãe de quem precisava gerenciar projetos, independente do tamanho. Mas, resumindo, quem realmente gosta dele? Muitas opções, regras, configurações e coisas que, a principio, acontecem inexplicavelmente com as suas tasks e o gantt do calendário. Apesar de ser professor de MS Project aqui em Belo Horizonte, reconheço que o software complica o projeto em diversas ocasiões, por diversos fatores. Não é ruim, ele é ótimo, mas para profissionais dinâmicos, você também precisa de um intermediário que agilize o gerenciamento junto com o Project. Sem falar do Primavera, claro, que muita gente gosta.

Neste intuito, eu comecei a procurar alternativas que me permitissem gerenciar meus projetos de forma mais veloz durante o dia e, uma vez por semana, atualizo e gero toda a documentação do projeto com o Project. E deu-se à Luz o ClockinIT.

O ClockingIT nasceu da necessidade do casal Erlend e Ellen Simonsen (Marido: Programador, Esposa: Designer) de atender às próprias demandas de gerenciamento. Seguindo os mesmos conceitos do Getting Real e desenvolvendo em Ruby On Rails, nasceu uma plataforma para gerenciamento de projetos, bugs, releases, wikis, chat e muitas outras necessidades que um profissional tem na hora de gerenciar seus trabalhos. Simples, prático, democrático e funcional.

O ClockinIT é gratuito, você pode baixar uma versão e instalar no seu servidor, ou ter um endereço on line seusite.clockingit.com. Toda orientação do sistema é por Projeto, então, você pode seguir uma hierarquia, Projeto -> Profissionais envolvidos -> Tarefas/Sub-tarefas -> Agenda -> Documentação. Cada item com seus níveis de prioridades, prazos, dificuldade e se é colaborativa ou não. E o timer com “Play e Pause” te dá um controle e registro de cada minuto trabalhado no projeto.

Com estes dados, é possível criar relatórios diversos, como timesheets que são extremamente úteis para consultores que ganham por hora. E o sistema ainda oferece vários modos de visualização de todos estes dados.

O design ganha disparado, você pode configurar Widgets na home e ter um panorama geral de mais de um projeto ao mesmo tempo, com tarefas, gráficos de produtividade/horas, histórico, dentre outras.

A interação como o site é ágil e leve, exatamente como em software desktop, e em baixas conexões o desempenho não é ruim. Qualquer ação efetuada por algum usuário é imediatamente refletida na tela de outros usuários conectados no mesmo projeto. É possível saber em tempo real quem está conectado no sistema, o que está fazendo, há quanto tempo está fazendo. E graças ao chat embutido, é possível até conversar com outros colaboradores e a Wiki ajuda a quem precisa gerar documentação.

O sistema oferece integração com iCal (Google Calendar ou o calendário da Apple por exemplo), sistema de RSS e um gráfico de Gantt como sub-opção da agenda te da uma visão mais familiar com o MS Project.

Além de todas essas “belezuras” de funções, o ClockinIT adora ser democrático, o desenvolvedor responde a todos os e-mails, conversa sobre melhorias e está em busca de novos desafios com um sistema de Feedback para eleger as novas melhorias no sistema, que aliás, você pode lançar uma melhoria não listada e disponibilizar para que outros usuários com a mesma necessidade votem nela também.

Mobilidade, ainda não. Eu estou em contato direto com o desenvolvedor para começarmos pela API do sistema. Os navegadores atuais não dão muita conta de exibir corretamente o sistema, se bem que, testando um beta, do beta, do beta do navegador Fennec da Mozilla, sua apresentação ficou bem funcional.

De 0 a 10, o quanto você recomendaria este artigo para um amigo?

 

Deixe um comentário! 10

10 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

  1. Rodrigo, já uso essa ferramenta a algum tempo e realmente ela é muito produtiva. Ajuda muito, principalmente, na interface com a equipe de desenvolvimento que normalmente prefere opções mais ágeis como esta. Muito boa dica.

  2. Realmente a ferramenta é muito interessante, entretanto eu não consigo utilizar o gráfico de BornDow, alguém poderia dar uma dica de como trabalhar com este tipo de Widget?

    1. Guilherme, realmente, não é que vc não consegue, é que ele é limitado mesmo. Você só pode especificar quais e quais tipos de tarefas você quer que ele calcule e, de acordo com o andamento das atualizações das tasks dos projetos ele vai avaliando e exibindo. Igual ao BurnUp – Abraços

  3. Rodrigo, estou avaliando algumas ferramentas para disponiblizar (em tempo real) o portifólio dos projetos da empresa, de forma simples e rápida, como um painel …. ou mesmo manchetes…. você conhece alguma ferramenta onde consigo antecipar a informação aos stakeholders do projetos, para que eu não fique preso ao EPM/Sharepoint e os stakeholders aguardando o status report dos projetos que são gerados semanalmente?

  4. Gostaria de uma ajuda para implementar esse recurso dentro do meu servidor web.
    O host que pago suporta RubyonRails, mas venho encontrando dificuldade na instalação.
    Alguém teria um pequeno tutorial? Achei muita coisa, mas referente a instalação em um servidor próprio e em linux.

    Grato.

leia mais
Este projeto é mantido e patrocinado pelas empresas: