/Design

voltar
/Design

Como melhorar o design do seu aplicativo para Wear 2.0

PorRedação iMasters em

Artigo de Steven Tepper, publicado originalmente pelo Android Security Team. A tradução foi feita pela Redação iMasters com autorização. 

***

O Wear 2.0 foi lançado em fevereiro com suporte adicional para novos recursos de hardware, além de adotar novos temas de Design de Material, guidelines e um padrão de UI vertical mais simples. Ele também introduz complications API, facilitando que os aplicativos forneçam dados para watch faces e que watch faces incorpore dados externos. A grande atualização final foi que, aplicativos que visam o Wear 2.0 agora têm a capacidade de operar em um modo standalone, sem precisar de conexão com um aplicativo complementar no telefone.

Existem algumas considerações de projeto em relação à navegação, notificações, complications API e funcionalidade standalone para ajudá-lo a otimizar melhor os dispositivos Wear 2.0:

Navegação

  1. Use a navigation drawer WearableDrawerLayout para navegação simples e infrequente: Navegação simples inclui tarefas como acessar configurações de aplicativos, trocar usuários ou fazer logging out. Você pode implementar isso no Wear 2.0 para alternar entre diferentes visualizações ou seções do aplicativo através de um deslize para baixo a partir da parte superior da tela, ou uma ação drawer pode ser configurada para ações específicas do contexto ao deslizar para cima partindo da parte inferior da tela.
  1. Apresentar uma navigation drawer como uma single-page drawer para permitir que os usuários naveguem rapidamente as visualizações: Uma navigation drawer pode ser apresentada como uma drawer multi-page ou single-page. O layout de single-page é útil para quando o usuário deve navegar rapidamente entre 7 ou menos visualizações do aplicativo. Lembre-se de que se o aplicativo estiver usando uma drawer single-page, a iconografia deve ser clara e compreensível, pois não haverá qualquer tipo de rotulagem de texto neste layout. Se houver mais de 7 visualizações para navegar ou se as visualizações não estiverem facilmente representadas por ícones, você deve usar o layout da drawer multi-pages.

  1. Use vários app launchers se o seu aplicativo tiver duas ou três funções discretas: Por exemplo, se seu aplicativo suporta o rastreamento de atividades – com várias opções, ações e visualizações – e análise e gerenciamento histórico de atividades rastreadas, você pode usar vários app launchers para lidar com essas tarefas. Alternativamente, se o seu aplicativo tiver uma tela inicial simples, esses recursos podem ser colocados na linha, na parte inferior da tela.
  1. Use peeking at the top na parte superior da action drawer para fornecer acesso rápido à ação primária: Se não houver nenhuma ação primária associada à visualização, substitua o comportamento padrão e force um botão overflow para espiar, expondo todas as ações na parte inferior de uma visualização, quando tocada.

Certifique-se de que, para dispositivos que usam o Wear 2.0, seu aplicativo aproveita esses novos padrões de UI para fornecer uma experiência de usuário consistente. Confira mais recursos de treinamento Wear Navigation and Action e as especificações de Design de Material para Navigation e Action Drawers.

Notificações

O Wear 2.0 usa um padrão de navegação vertical mais simples, removendo o gesto de deslocamento horizontal para apresentar ações para uma notificação. As ações de notificação agora são apresentadas como uma única ação primária (se aplicável) na parte inferior de uma notificação. Se não houver nenhuma ação primária, expandir a notificação apresentará opções em uma única visualização verticalmente rolável.

As notificações funcionarão sem precisar de muitas mudanças nos dispositivos 1.x e 2.0, mas aparecem bastante diferentes:

Ao criar aplicativos para dispositivos Wear 2.0, melhore a experiência do usuário com notificações aplicando as seguintes práticas recomendadas:

  1. Suporte notificações expansíveis: Use BigTextStyle para que os usuários possam ver mais conteúdo no seu relógio;
  2. Use a collapsed view da notificação (se aplicável): Adicione a ação primária para sua notificação à collapsed view da notificação usando setContentIntent (), quando apropriado.
  3. Para aplicativos de mensagens, use o MessagingStyle: Forneça uma rica experiência de aplicativo de bate-papo na notificação expandida usando esse estilo.
  4. Atualize as instruções do usuário que são específicas para Wear 1.0: Remova qualquer texto que guie os usuários para agirem em um cartão ao deslizar horizontalmente (o padrão Wear 1.x).
  5. Melhorando notificações para usar ações em linha: isso permite que os usuários façam coisas sem precisar tocar para ver os detalhes de notificações expandidos. As ações para notificações de mensagens podem usar vários métodos de entrada diferentes, incluindo predefinições de Resposta Inteligente, voz e entrada de teclado. Aproveite esses recursos para fornecer funcionalidades adicionais e deliciar os usuários.

Para saber mais sobre como adicionar funcionalidades úteis às notificações.

Complications

A API complications no Wear 2.0 torna muito mais fácil para que os desenvolvedores de watch face e os provedores de dados de terceiros divulguem informações importantes que os usuários desejam, imediatamente. Watch faces que suportam a API podem ser configurados para usar qualquer um dos provedores de dados que foram instalados no relógio, mantendo o controle completo sobre sua aparência. Os aplicativos que suportam a API complications permitem que os dados do aplicativo sejam acessíveis em qualquer watch faces que suporte complications. Essas complications podem ser exibidas em uma variedade de formas (texto curto, ícone, valor variado, texto longo, imagem pequena e imagem grande), dependendo do que o provedor de dados configurou e quanto espaço foi alocado no watch face.

Para garantir que as complications se encaixem no projeto geral do watch face e manipulem adequadamente seu tipo de dados, ao adicionar suporte para complications recomendamos que os fabricantes de watch face devem:

  1. Usar a classe TextRenderer encontrada no SDK do Wear 2.0: Isso permite que o texto dentro das complications seja ajustado aos seus limites encolhendo o texto, suportando dinamicamente quebras de linha ou elipsando strings quando excedem os limites de uma complication baseada em texto.
  2. Usar a classe ComplicationDrawable para definir a cor de fundo, a forma, a borda e as opções de fonte para as complications: Isso dá controle completo de como a complication é renderizada para o watch face.
  3. Desenhar o watch face para fornecer uma maneira para os usuários configurarem ou ajustarem complications no watch face através de um menu de configurações: Para saber como construir com essas configurações, veja a amostra do watch face no GitHub.
  4. Usar o data provider test suite para alimentar dados falsos às complications do watch face: Isso permitirá que você verifique se todas as complications são processadas corretamente e se as fontes são formatadas para seus limites.
  5. Como um fornecedor de dados de complications, exponha dados relevantes usando o ComplicationProviderService: Basta definir e configurar quais tipos de ComplicationData o aplicativo pode fornecer para complications.

Funcionalidade standalon em dispositivos Wear

  1. Certifique-se de que o seu aplicativo seja capaz de lidar consigo mesmo se não houver nenhum aplicativo complementar instalado ao usar o sinalizador de recurso do hardware android.hardware.type.watch: O uso desse recurso permite que seu aplicativo se torne pesquisável e instalável diretamente em dispositivos Wear sem a necessidade de instalar um aplicativo de telefone complementar, para garantir que seu aplicativo possa lidar consigo mesmo para evitar uma experiência de usuário confusa ou quebrada;
  2. Certifique-se de que seu app wearable não precise do app do telefone para sign-in/autenticação ou funcionalidades primárias : Quando requerendo entrada complicada para autenticação (por exemplo, entrada de senha), seu aplicativo wearable pode apontar para o telefone complementar, mas deve confiar na web UI para entrada de conta/senha em vez de um aplicativo;
  3. Onde um aplicativo complementar deve estar presente em um telefone para suportar o seu aplicativo de alguma outra forma, o aplicativo deve usar o CapabilityApi: Isso deve ser usado para direcionar os usuários apropriadamente para a lista Play Store em seu dispositivo complementar para instalar o aplicativo faltante. Caso contrário, o aplicativo deve funcionar por conta própria, usando o Wi-Fi Wear incorporado, o GPS ou outras funções de conectividade;
  4. Inclua um texto sobre os requisitos de um app complementar ou mencione brevemente como seu aplicativo Wear deve funcionar dentro da descrição da lista Play Store: Isso ajudará a definir expectativas e orientar os usuários a instalar os aplicativos corretos para a melhor experiência possível;
  5. Incorpore o sinalizador google.android.wearable.standalone no manifesto se o seu app wearable puder funcionar sem qualquer interação de telefone complementar: Esse sinalizador indica que o app wearable pode ser instalado e funcionará completamente quando não estiver emparelhado a um telefone complementar Android ou iOS.

Embora muito tenha sido coberto aqui, existem recursos adicionais que você pode usar para garantir que seus aplicativos ou jogos sejam otimizados e para usar os padrões e funcionalidades mais recentes no Wear. Certifique-se de revisar as guidelines de qualidade e verificar a documentação de treinamento do desenvolvedor para aprender mais práticas recomendadas para desenvolvimento de aplicativos wearables e projeto de aplicativos wearables para criar aplicativos de qualidade no Wear.

***

Este artigo é do Android Developers Blog. Ele foi escrito por Steven Tepper. A tradução foi feita pela Redação iMasters com autorização. Você pode acessar o original em: https://android-developers.googleblog.com/2017/08/how-to-improve-app-design-for-wear-20.html

Deixe um comentário! 0

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

leia mais
Este projeto é mantido e patrocinado pelas empresas: